04 jul Folhas ao Vento – O Projeto

Hoje vou tomar a palavra. E vou expressar o que este Projeto é para mim. Espero que sintam o que se passa em meu coração.

Uma ideia nasceu em pleno outono. A Roda do Ano repousava tranquila quando folhas, no auge de sua maturidade, planaram no fresco vento do final da tarde num espetáculo de paz e encantamento.
Ao tocar o chão, cada folha exibia misteriosamente amarelos, marrons e verdes lembrando a quem admirava o espetáculo da Natureza que aquele era o momento da colheita.
E palavras foram colhidas. Vindas de sonhos, de desejos, de vontades sinceras, uma a uma iam repousando nas folhas do caderno tais quais as folhas que repousavam na grama.
E todas elas, palavras e folhas, contavam histórias de tempos ancestrais.
Histórias de descobertas e aventuras, de medos e conquistas. Histórias de amor.
A Roda do Ano já não mais repousava. Girava a cada movimento da velha fiandeira ao tecer o tapete da vida.
Folhas, palavras, fios e histórias.
Entrelaçando almas num encantamento sem fim.
Músicas antigas bradando lutas e vitórias
O conto que sai de você acaba ecoando em mim.

Nenhum comentário

Desculpe, o formulário de comentários não está disponível.